Resumo, em poucas palavras, dos pontos mais importantes da Doutrina Espírita que eles (os espíritos superiores), nos transmitiram:

“Deus é eterno, imutável, imaterial, único, onipotente, soberanamente justo e bom.”

“Criou o Universo, que abrange todos os seres animados, e inanimados, materiais e imateriais.”

Vídeos Sugeridos

Reynaldo Leite  (1)

Paranormalidade

Mensagem aos Médiuns  (1)

Emmanuel

Haroldo Dutra Dias  (1)

Conhece - Te a Ti Mesmo!

Divaldo Franco  (1)

O Poder Da Oração!

Maristela Santos  (0)

O Veneno da Raiva. Qual o Antídoto? Vigilância Com Fé em Jesus Cristo.

Haroldo Dutra Dias  (1)

Senhor, que queres que eu faça

Rossandro Klinjey  (1)

As 5 faces do perdão

Maristela Santos  (0)

O duelo

Sugestão de Leitura

O Espírito da Verdade - Emmanuel - Chico Vavier

Em teu nome, Senhor!...
Mestre!
Estudando a mensagem libertadora de Allan Kardec, em "O Evangelho segundo o Espiritismo", nós, os companheiros desencarnados de quantos se encontram ainda em rudes lições na escola física, escrevemos este livro, em teu nome.
Nele se refletem os pensamentos daqueles servos menores de teus Servos Maiores, aos quais confiaste, em círculos mais estreitos de ação, a sublime tarefa de reviver o espírito da verdade, nos tempos calamitosos de transição que o Planeta atravessa.
Oferecemo-lo a todos os irmãos, cujos ombros jazem vergados ao peso de rijas obrigações, nesta hora em que a família humana desfalece à míngua de amor; aos que, por náufragos da existência, viram quebradas, ante os furacões do materialismo destruidor, as embarcações religiosas em que se lhes erguia a fé; aos que levantam a voz para redizer-te a palavra de esperança e de luz, deslocando, à custa de sacrifício, os empeços das trevas; aos que, sobrecarregados de graves deveres, procuram preencher os lugares dos que desertaram do serviço, tentando debalde esquecer os fins da vida; e, acima de tudo, aos que, por agora, não encontram para si mesmos senão a herança das lágrimas em que se lhes dissolve o coração.
Com todos eles, Senhor, rumo à Era Nova, nós - gotas pequeninas de inteligência no oceano da Infinita Sabedoria de Deus - partilhamos os lances aflitivos da Terra traumatizada por angústias apocalípticas, em busca de paz e renovação, trabalhando pelo mundo melhor, na certeza de que permaneces conosco e de que, como outrora, diante da tempestade, repetirás aos nossos ouvidos, tomados de inquietação:
- "Tende bom ânimo! Sou eu, não temais."

Bezerra de Menezes, André Luiz, 

Cairbar Schutel, Esurípedes Barsanulfo, 

Hilário Silva, Anália Franco, Meimei, Emmanuel e outros.
(Uberaba, 9 de outubro de 1961)